Fibrinogênio

hemograma-exame-categoria-hematologia-laboratorio-veterinario-vetex

Amostra: sangue total.

Recipiente: tubo com EDTA (tampa roxa).

Conservação: refrigerado (2 a 8 °C) até 24 horas.

Indicações: o fibrinogênio é uma proteína plasmática sintetizada pelo fígado, atuando nas respostas inflamatórias agudas e na coagulação sanguínea. Seus níveis encontram-se aumentados geralmente na presença de processo inflamatório e/ou necrose tecidual. Níveis diminuídos podem ocorrer em casos de hepatopatias (produção diminuída), CID (devido ao consumo) e por afibrinogenemia congênita ou adquirida (Exs: formação de anticorpos contra o fibrinogênio após transfusão, picada de cascavel…).

Observações:

1 – Imediatamente após a coleta o tubo deve ser gentilmente homogeneizado (por 30 segundos no mínimo), para evitar a formação de coágulos.

2 – Deve-se manter uma proporção adequada de sangue/anticoagulante, respeitando o limite indicado no frasco. Amostras com coágulo não podem ser utilizadas.